Nunca ia imaginar que iria fazer um post como esse.

1º porque nunca gostei de super heróis. Principalmente os “estadunidenses”, um patriotismo hipócrita e falso, um misto de como somos frágeis e incompetentes, com a salvação do mundo virá dos EUA… O Super homem então… um garotinho sensível a uma pedrinha verde… vestindo azul e vermelho dos pés a cabeça (comentário extra da cuequinha sobre o colan…), com uma capinha meiga e esvoaçante, um babacão! Fora que todos eles têm um problema sexual seriíssimo, pois nunca dão certo com as respectivas amadas (ou seja, nunca devem dar umazinha coitados, são cornos frustados e mal resolvidos). 

2º Não sou modista. Não me influencio com o que a maioria fala. É muito raro.

Mas fui assistir o bendito Batman e paguei pau… o filme é muito bom mesmo. Estava com um maior preconceito e de frente pra telona me desarmei. Excelente produção, efeitos, direção de arte… sicronia perfeita!

Christian Bale (Batman) faz seu dever direitinho, não surpreende e nem decepciona. . E que babado é esse de bater na mãe e na irmã, hein? Mas isso não vem ao caso, jogada ou não de marketing isso não é da minha conta! Aaron Eckhart (Harvey Dent) está incrível, só assisti filmes que seus personagens eram bem mamão com açúcar, mas nesse ele foi ótimo, pricipalmente com a reviravolta que seu personagem dá! Muito bom mesmo! Agora o Heath Ledger (Coringa) que Deus mesmo o tenha!!! Fiquei tempos tentando reconhecer aquele ator que fez “O segredo de Brokeback Mountain” (que já tinha me provado o excelente ator que era) e “10 coisas que eu odeio em você”! Foi difícil viu? O papel principal com certeza foi o do Coringa, ele deu as diretrizes do filme, e qd dizia: “Eu represento o caos” dizia com muita propriedade. Virei fã dele, putz, tarde demais…

Então pra quem não assistiu ainda, dou minha palavra que vale muito a pena!

Dobar – bok

Anúncios