O fato é que, tem três pessoas queridas lá na sala. Uma delas é uma das minhas melhores amigas, e as outras duas, os pais dela.
Estou escutando o choro, e é sofrido. O quanto é ruim e duro prosseguir determinado a correr atrás da sua maturidade, seja profissional, seja pessoal… Já passei inúmeras vezes por isso, já me despedi daquela que mais amo e todas as vezes cruzo o aeroporto em lágrimas…
Mas sabe? Essas coisas fazem ter mais garra pra você correr atrás mesmo dos objetivos, sem trégua, tem que compensar ter que passar por isso… E todas as vezes, as manhãs, as tardes e as noites, eles vêm na cabeça como um lembrete de que temos a obrigação de crescer.

É, o amor nos move!

Anúncios